Casa de Massagem em Salvador

Mercado está em alta

Várias pesquisas mundiais indicam que o Mercado no Brasil para massagem está aumentando. Por muito tempo, as pessoas se trataram com o que hoje é chamado tratamentos complementares ou alternativos: massagem, ervas naturais, aromas, cristais, energia, acupuntura etc. De acordo com estas pesquisas, 20% da população mundial se trata com terapias holísticas. A massagem é a maior destas terapias. Fazendo-se uma projeção deste índice de 20% sobre a população brasileira (150 milhões), chegamos a 30 milhões de potenciais clientes no país. Provavelmente, é muito mais do que isso.

 

As pesquisas de massagem no site de busca Google estão aumentando desde 2004, chegando a mais de 100 mil pessoas por mês. Veja a estatística no link a seguir: clique aqui.

 

A massagem, no Brasil, também está ganhando mercado como um tratamento cada vez mais respeitado, muito devido às empresas multinacionais que contratam massagistas para atender os funcionários. Em callcenters, nos aeroportos, em shoppings, você vê as cadeiras de massagem. Então, o conceito de massagem está chegando forte para a população que está se acostumando com a idéia de que uma massagem pode ser ambos: relaxante e terapêutica. Já aquela fama de que massagem tem a ver com erotismo está gradativamente se perdendo. Isto é uma grande vantagem para quem está entrando no mercado.

Como o Brasil está se internacionalizando por causa do grande número de empresas e estrangeiros no país, a tendência é que a massagem se expanda mais ainda sendo que, nos Estados Unidos e na Europa ocidental, a massagem é uma forma de tratamento conceituado e divulgado, feito com segurança e com profissionalismo. Existem pesquisas que indicam que nos Estados Unidos o número de atendimentos com algum tipo de tratamento alternativo é maior do que os atendimentos hospitalares. Veja nesta reportagem da revista Exame de dezembro de 2000.